Homenagens e exposições de fotografias marcam os 67 anos do Walkiria Lima

Compartilhe:





Uma programação especial marcou o aniversário do Centro Educacional Profissional (CEP) de Música Walkiria Lima, que completou 67 anos, na sexta-feira, 25. Para marcar a data, foi organizada uma série de eventos como exposição de fotos do centro antigo, alunos e ex-professores e diretores da instituição; além de culto ecumênico e homenagens aos servidores que completaram 25 anos de serviço. O corte do bolo encerrou as atividades em comemoração ao aniversário do centro.

De acordo com a diretora do Centro de Música Walkiria Lima, Socorro Loureiro, neste momento de festa decidiu-se mostrar para a comunidade os três períodos vividos pelo centro. “Decidimos comemorar este aniversário contando um pouco da história e assim fizemos, além também de homenagearmos diversas pessoas que contribuíram nesses longos anos para que a instituição se tornasse o que é, atualmente. Só temos a agradecer e parabenizar a todos”, enfatizou.

 

Completando 67 anos e com muitas histórias o centro revelou e ainda revela diversos talentos musicais. Um exemplo é a jovem Elaine Alves, 19 anos, que foi aluna de piano e saiu como técnica. Agora, ela está cursando música no Instituto Carlos Gomes, no Estado do Pará.

Estrutura

O Centro Educacional Profissional de Música Walkiria Lima possui atualmente um corpo técnico de 95 profissionais e atende 1.022 alunos de forma gratuita. A escola possui cursos técnicos em instrumentos, canto e regência. O centro também trabalha com musicalização e oficinas de instrumentos musicais e possui educação musical para crianças, jovens e adultos.  

História

O Centro Educacional Profissional de Música Walkiria Lima, inicialmente foi chamado de Conservatório Amapaense de Música (CAM), criado no dia 25 de janeiro de 1952. No início, contava apenas com três professores que ensinavam conto lírico, violino, piano e teoria da música. A escola atendia a 33 alunos.  

Posteriormente, em 1983 o Conservatório Amapaense de Música, passa a se chamar Escola de Música Walkiria Lima e novos cursos são implantados e é inaugurado do auditório Mestre Oscar Santos.

Já em 2007 a Escola de Música Walkiria Lima, passou se chamar Centro Educacional Profissional de Música Walkiria Lima, com objetivo de proporcionar qualificações técnicas musicais.

Em 2018, foi entregue o atual prédio do centro Walkiria Lima, que foi todo reconstruído e modernizado. O novo ambiente tem acessibilidade arquitetônica, dispõe de estacionamento coberto, elevador, urbanização, auditório, salas administrativas, 44 salas de aula para estudos teóricos, coletivos e de prática individualizada, projetadas conforme as especificidades necessárias ao ensino de cada instrumento.

 

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO