Sebrae capacita funcionários do setor de alimentação para atender as legislações higiênicos-sanitárias






A capacitação periódica de quem atua na cadeia do setor de alimentação é essencial para a prevenção das doenças transmitidas por alimentosNicole Lemos
Sebrae realiza capacitação de boas práticas aos agentes envolvidos no processo de manipulação dos alimentos. O objetivo do curso é proporcionar às empresas atendidas pelo Sebrae e aos participantes do Projeto Alimentação Fora do Lar, informações técnicas adequadas para garantir as boas práticas de manipulação de alimentos, a fim de produzir um alimento seguro e o atendimento às legislações sanitárias vigente, e conscientizá-los sobre as responsabilidades na produção do alimento seguro.

Conceito
O Projeto Alimentação Fora do Lar do Sebrae tem como proposta fortalecer os pequenos negócios, bares, restaurantes, lanchonetes, hamburguerias; e ampliar o volume de vendas dos estabelecimentos de alimentação fora do lar no Amapá.

O funcionário do Restaurante Japan, Geovani Amador, afirma que a boa prática está intimamente relacionada ao termo segurança alimentar e associada a garantia de que o consumidor vai adquirir um alimento com atributos de qualidade, segurança e confiança. “Aprendi muita coisa que se aplica não somente no meu trabalho, mas na cozinha da minha casa. São práticas simples, que aplicadas cotidianamente evitam muitas doenças e riscos à saúde”, disse Geovani Amador. 

Para a gestora de projetos do Sebrae, Nelma Pires, a maioria das doenças de origem alimentar podem ser evitadas a partir da manipulação adequada dos alimentos, já que as pessoas são o principal veículo de contaminação. “A capacitação periódica de quem atua na cadeia do setor de alimentação é essencial para a prevenção das doenças transmitidas por alimentos” finaliza a gestora de projetos do Sebrae, Nelma Pires.

Para ela, comer fora de casa é uma prática comum, mas é importante se atentar aos locais em que frequenta, e exigir que os estabelecimentos estejam de acordo com a legislação sanitária brasileira.

Investimentos
As inscrições do Curso Boas Práticas têm investimento de R$ 60 reais por participante. A capacitação ocorreu no período de 26 de junho a 7 de julho, das 9h às 12h e das 14h às 18h, nas salas de treinamento da sede do Sebrae em Macapá.
 
Serviço:
Sebrae no Amapá
Unidade de Marketing e Comunicação: (96) 3312-2832
Central de Relacionamento: 0800 570 0800
Portal Sebrae: www.ap.sebrae.com.br 
Blog: www.sebraeap.blogspot.com.br
Twiiter: @sebraeap
Facebook: /sebraeap
 

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO