Turistas voltam ao monumento Marco Zero para apreciar o Equinócio da Primavera

Compartilhe:





O Equinócio da Primavera ocorre nesta terça-feira, 23, e a Secretaria de Estado de Turismo (Setur) liberou o espaço do Monumento Marco Zero, que estava fechado desde o início da pandemia de covid-19, para que as pessoas pudessem observar o fenômeno que ocorre duas vezes ao ano.

O fenômeno que marca o início da primavera no hemisfério sul e do outono no hemisfério norte estava marcado para 10h31, mas a visualização do alinhamento da sombra projetada pelo sol no obelisco pode ser observada a partir das 14h30.

 

O casal carioca Nilson e Simone Vieira, mora há dois anos no estado com os três filhos, e foi a primeira vez que a família visitou o ponto turístico.

“A família da minha esposa está nos visitando e aproveitamos para trazê-los aqui, e juntos conhecermos a linha imaginária do equador que divide o mundo. Está sendo maravilhosa essa experiência que só sabíamos através de livros”, relatou o militar Nilson Viana.

Para a professora aposentada, Ivanilde Araújo, 74, estar prestigiando o Equinócio da Primavera é um resgate ao passado.

“Eu lembro de visitar esse lugar acompanhada de meus pais, mas naquela época não tínhamos nem ideia do que era o fenômeno. Mas, depois que se tornou um ponto turístico de fato, eu sempre tive vontade de vir aqui e hoje estou feliz com minha família realizando esse sonho”, afirma a professora, que veio acompanhada da filha e dos netos.

O vice-governador do estado Jaime Nunes e a secretária de turismo Rosa Abdon, também visitaram o monumento.

 

 

“Tomamos todas as medidas de segurança para que nosso povo e os turistas não fossem privados de prestigiar esse fenômeno que é reconhecido internacionalmente. Pós pandemia, vamos colocar em prática o projeto de revitalização do monumento Marco Zero e seu entorno, para que assim possamos retomar as atividades turísticas de nosso estado”, declarou Jaime Nunes.

O ponto turístico, que tem capacidade para 200 pessoas, teve a capacidade de visitas monitoradas reduzida em 50% e com todas medidas de prevenção, como o uso de máscaras, aferição de temperatura e uso de álcool em gel.

 

O fenômeno

O Equinócio ocorre duas vezes ao ano: em março, chamado de Equinócio das Águas e outra em setembro, conhecido como Equinócio da Primavera.

O fenômeno marca a troca das estações e o momento em que o sol incide diretamente sobre a linha do equador, fazendo com que o dia e a noite tenham a mesma duração de tempo.

 

Em Macapá, o Monumento Marco Zero do Equador facilita a visualização. No horário marcado, o sol se posiciona exatamente no obelisco e podemos observar o fenômeno na projeção da sombra. O fenômeno atrai estudantes, turistas e pessoas interessadas em astronomia.

 

Por: Nathacha Dantas /  Foto: Maksuel Martins

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO