Festival de Bandas e Fanfarras 2018 levará 500 músicos para a frente da Casa do Artesão

Compartilhe:





O Festival de Bandas e Fanfarras 2018 levará cerca de 500 músicos de 12 instituições de ensino público para a frente da Casa do Artesão, no Centro de Macapá, neste sábado, 15, às 17h. A escolha será feita por meio de votação na internet, através de um link no site da Secretaria de Estado da Educação (Seed). O púbico precisará considerar a música, coreografia e evolução no desfile. Os cinco primeiros lugares ganharão troféus de participação.

Seis escolas são de Macapá (Gonçalves Dias, Nilton Balieiro, Tiradentes, Colégio Amapaense, Josefa Jucicleide e Esther Virgolino); duas do município de Tartarugalzinho (Reisalina Tomaz e Maria José); uma de Oiapoque (Joaquim Nabuco); uma de Laranjal do Jari (Nazaré Rodrigues) e uma da cidade de Amapá (Maria do Céu Gonçalves Dias). Também participarão do festival, estudantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá (Ifap).

As fanfarras prometem animar o público com adaptações de hits conduzidos por instrumentos como corneta, bombos, surdos, linhas de pratos e repique. Além disso, bailarinos, porta-bandeiras e porta-estandartes deixarão a apresentação ainda mais bonita. “A presença desse tipo de banda nas escolas, além de uma tradição, é um instrumento de ensino, pois permite a iniciação musical e a formação cultural dos estudantes”, justificou a secretária de Estado da Educação, Goreth Sousa.

O evento é promovido pelo Governo do Amapá, através da Secretaria de Estado da Educação (Seed), em parceria com a Secretaria Extraordinária de Políticas para a Juventude (Sejuv), União dos Estudantes dos Cursos Secundários do Amapá (Uecsa) e Federação de Bandas, Fanfarras e Regentes do Amapá (Febfrap).

Casa do Artesão

O Festival de Bandas e Fanfarras 2018 ocorrerá num momento de celebração do artesanato amapaense. O grande público que se fará presente participando e prestigiando o festival, também poderá conhecer as peças artesanais expostas na nova Casa do Artesão, que passou por uma reforma geral, executada pelo Governo do Amapá, através da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinf).

A reinauguração oficial está sendo preparada pela Secretaria de Estado do Trabalho e Empreendedorismo (Sete), responsável pelo espaço, mas o local já está aberto para visitação das 15h às 21h. São mais de 30 mil peças em argila, cerâmica, cipó, madeira, sementes, quadros, entre outros materiais que estarão à venda. A maioria é consignada de artesãos da capital e demais municípios amapaenses. A Casa do Artesão funciona de 15h as 21h.

Por: Paula Monteiro /  Foto: Pedro Gomes/Seed

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO