Programação cultural de inauguração do Walkíria Lima reúne atrações musicais e artísticas






O Governo do Estado do Amapá (GEA) promove desde quarta-feira, 4, na Praça da Bandeira, em Macapá, uma vasta programação cultural dedicada à inauguração do novo prédio do Centro de Educação Profissional de Música Walkíria Lima, localizado na Rua Eliezer Levy, zona central de Macapá. O evento continua nesta quinta-feira, 5, dia de entrega oficial da obra, e terá atrações circenses, musicais, orquestra, exposições de artes visuais e coro lírico. A programação será de 14h as 22h. A cerimônia de inauguração está marcada para as 18h.

O primeiro dia de evento cultural do Walkíria Lima atraiu estudantes, professores, crianças, jovens e adultos. O espaço da Praça da Bandeira foi preenchido por atrações culturais locais que chamaram a atenção do público presente, entre eles o espetáculo circense ‘Se deixar, ela canta’, da Cia Cangapé; a banda de fanfarra da Escola Estadual Esther da Silva Virgolino e o grupo de dança Memórias Difusas.

A professora Eliane Paixão Marques, 32 anos, é do município de Anajás, no Pará, e vem no período de férias à capital amapaense para estudar Pedagogia na Universidade do Estado do Amapá (Ueap). Ao lado dos três filhos e marido, ela disse que está adorando a programação cultural do Walkíria Lima. “Está bem divertido. É uma programação para a família. Meu filho também participa de uma banda de fanfarra na escola dele e até filmamos a apresentação daqui para mostrarmos lá em Anajás”, contou a mãe.

Quem também marcou presença no evento foi a contadora de história Eugênia Mesquita. Ela e o pequeno ator Adam Lucas personificaram o livro infantil “O saci que não tinha uma perna só”, das escritoras Rute Xavier, Claudevania Carvalho e do próprio Adam Lucas. O livro trata sobre inclusão e respeito às diferenças. “Eventos como esse são importantes porque nos dão a oportunidade de mostrar nosso trabalho”, disse a contadora de história.

A Secretaria de Estado do Trabalho e Empreendedorismo (Sete) dispôs barracas para exposição e comercialização de produtos e serviços dosmicro e pequenos empreendedores e artesãos de Macapá. Para o apresentador de programa televisivo Wellington Lobato Farias, 23 anos, a programação reúne boa comida e espetáculos que fortalecem a cultura local. “É um espaço acolhedor e que mostra nosso potencial artístico”, enfatiza o rapaz.

Na tenda de artes visuais, foram expostas obras de Grimualdo, Ivam Amanajás e Tom DC. Os quadros apresentavam técnicas de pirogravura, óleo sobre a tela e acrílica sobre a tela.

“Temos aqui um local que reúne diversas atrações culturais, mostrando o talento do povo amapaense. E que, a partir de agora, vai aumentar e melhorar com a inauguração do Walkíria Lima”, resumiu a secretária de Estado da Educação, Goreth Sousa.

Programação

Quinta-feira (5/7)

Local: Praça da Bandeira

Tendas

15h – Apresentação de Teatro de Bonecos Guiga Melo - Tenda 1

15h30 às 16h – Apresentação Cirquim do Tiquim - Tenda 1

16h às 16h30 – Apresentação do Grupo Norteando a Arte – Espetáculo Natureza, com participação especial da atriz amapaense Barbara Castro - Tenda 1

15h às 23h – Exposição de artes visuais (artistas plásticos e escultores locais) - Tenda 2

15h às 23h- Exposição Literária (poetas e escritores locais)

Palco

14h às 24h – Música eletrônica DJ Erlinho

15h – Orquestra Agnus Dei – Projeto Social Amém

16h30 – Orquestra OFEM Walkíria Lima - Coro Oscar Santos e Coro Lírico

17h – Coro dos alunos da licenciatura em música da Universidade do Estado do Amapá com banda base formada pelos acadêmicos de curso de música.

17h20 – Big Band Tumucumaque formada por alunos e professores do Walkírima Lima

18h – Cerimônia de Inauguração e visita do prédio

20h – Apresentação de Grupo de Marabaixo do Pavão

21h – Marabatuque

22h às 24h – Show Musical com artistas locais (Nivito Guedes, Osmar Junior e Rogério e Cia)

O Governo do Estado do Amapá (GEA) promove desde quarta-feira, 4, na Praça da Bandeira, em Macapá, uma vasta programação cultural dedicada à inauguração do novo prédio do Centro de Educação Profissional de Música Walkíria Lima, localizado na Rua Eliezer Levy, zona central de Macapá. O evento continua nesta quinta-feira, 5, dia de entrega oficial da obra, e terá atrações circenses, musicais, orquestra, exposições de artes visuais e coro lírico. A programação será de 14h as 22h. A cerimônia de inauguração está marcada para as 18h.

O primeiro dia de evento cultural do Walkíria Lima atraiu estudantes, professores, crianças, jovens e adultos. O espaço da Praça da Bandeira foi preenchido por atrações culturais locais que chamaram a atenção do público presente, entre eles o espetáculo circense ‘Se deixar, ela canta’, da Cia Cangapé; a banda de fanfarra da Escola Estadual Esther da Silva Virgolino e o grupo de dança Memórias Difusas.

A professora Eliane Paixão Marques, 32 anos, é do município de Anajás, no Pará, e vem no período de férias à capital amapaense para estudar Pedagogia na Universidade do Estado do Amapá (Ueap). Ao lado dos três filhos e marido, ela disse que está adorando a programação cultural do Walkíria Lima. “Está bem divertido. É uma programação para a família. Meu filho também participa de uma banda de fanfarra na escola dele e até filmamos a apresentação daqui para mostrarmos lá em Anajás”, contou a mãe.

Quem também marcou presença no evento foi a contadora de história Eugênia Mesquita. Ela e o pequeno ator Adam Lucas personificaram o livro infantil “O saci que não tinha uma perna só”, das escritoras Rute Xavier, Claudevania Carvalho e do próprio Adam Lucas. O livro trata sobre inclusão e respeito às diferenças. “Eventos como esse são importantes porque nos dão a oportunidade de mostrar nosso trabalho”, disse a contadora de história.

A Secretaria de Estado do Trabalho e Empreendedorismo (Sete) dispôs barracas para exposição e comercialização de produtos e serviços dosmicro e pequenos empreendedores e artesãos de Macapá. Para o apresentador de programa televisivo Wellington Lobato Farias, 23 anos, a programação reúne boa comida e espetáculos que fortalecem a cultura local. “É um espaço acolhedor e que mostra nosso potencial artístico”, enfatiza o rapaz.

Na tenda de artes visuais, foram expostas obras de Grimualdo, Ivam Amanajás e Tom DC. Os quadros apresentavam técnicas de pirogravura, óleo sobre a tela e acrílica sobre a tela.

“Temos aqui um local que reúne diversas atrações culturais, mostrando o talento do povo amapaense. E que, a partir de agora, vai aumentar e melhorar com a inauguração do Walkíria Lima”, resumiu a secretária de Estado da Educação, Goreth Sousa.

Programação

Quinta-feira (5/7)

Local: Praça da Bandeira

Tendas

15h – Apresentação de Teatro de Bonecos Guiga Melo - Tenda 1

15h30 às 16h – Apresentação Cirquim do Tiquim - Tenda 1

16h às 16h30 – Apresentação do Grupo Norteando a Arte – Espetáculo Natureza, com participação especial da atriz amapaense Barbara Castro - Tenda 1

15h às 23h – Exposição de artes visuais (artistas plásticos e escultores locais) - Tenda 2

15h às 23h- Exposição Literária (poetas e escritores locais)

Palco

14h às 24h – Música eletrônica DJ Erlinho

15h – Orquestra Agnus Dei – Projeto Social Amém

16h30 – Orquestra OFEM Walkíria Lima - Coro Oscar Santos e Coro Lírico

17h – Coro dos alunos da licenciatura em música da Universidade do Estado do Amapá com banda base formada pelos acadêmicos de curso de música.

17h20 – Big Band Tumucumaque formada por alunos e professores do Walkírima Lima

18h – Cerimônia de Inauguração e visita do prédio

20h – Apresentação de Grupo de Marabaixo do Pavão

21h – Marabatuque

22h às 24h – Show Musical com artistas locais (Nivito Guedes, Osmar Junior e Rogério e Cia) /  Foto: Pedro Gomes/Seed

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO