Com apoio do GEA, Festival Brasil Sabor reúne sabores das cinco regiões do país






Experimentar diversos sabores da culinária brasileira sem sair de Macapá e por um preço acessível é possível na 14ª edição do Festival Brasil Sabor. O evento reúne 20 empreendimentos em um único espaço, proporciona aos visitantes um verdadeiro tour gastronômico. A programação realizada pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) com o apoio do Governo do Estado do Amapá (GEA), Sebrae e Prefeitura de Macapá, iniciou na sexta-feira, 31 de maio, e segue até o dia 2 de junho, no Sebrae, na capital.

Com o tema “Original do Brasil - as cinco regiões do país no meio do mundo”, o festival é uma oportunidade dos chefs apresentarem novos pratos e divulgarem os empreendimentos. “São pratos inéditos, criados à base de ingredientes do nosso país e comercializados a preços acessíveis, ampliando a oportunidade de consumos de alimentos e incentivando a gastronomia amapaense” explicou o executivo da Abrasel, Sandro Belo.

Os visitantes podem degustar as criações pelo preço de R$ 12,00 cada prato. São 20 receitas inspiradas nas regiões do Brasil e com o toque amapaense, desde sobremesas até criações mais sofisticadas e certificadas pelo Selo Amapá da Agência de Desenvolvimento Econômico do Amapá. Além disso, podem levar o livro “Segredo dos Chefs” contendo todas as receitas comercializadas no festival. O material foi produzido pela Secretaria de Estado da Comunicação (Secom).

 

Para o vice-governador do Amapá, Jaime Nunes, é uma oportunidade de incentivar setores importantes da economia amapaense. “A gastronomia movimenta a economia e também é um ponto forte para o turismo. Precisamos apoiar e divulgar iniciativas como o Brasil Sabor para que mais pessoas tenham acesso a nossa culinária”, disse Nunes.

 

Pela primeira vez, Lucas Ferreira participou do festival. De acordo com ele uma experiência única de experimentar novos sabores. “Nunca tinha comido um arroz carreteiro e experimentei aqui. Muito bom”, elogiou o autônomo.

E como a gastronomia une as pessoas, as amigas Giovana, Lívia, Lia e Bruna escolheram o festival para o encontro de sexta e experimentaram vários pratos. “Está tudo muito gostoso. É a quarta vez que participo e já experimentei dois pratos maravilhosos”, disse Giovana Burgos, defensora pública.

 

Além de degustar os pratos, Bruna Farias também levou a filha Ana Luíza para participar da oficina mini chef de cozinha e visitou a Feira do Produtor. “A Ana Luiza aproveitou bastante e se divertiu; enquanto isso, aproveitei para conhecer a Feira do Produtor e garanti o queijo coalho feito aqui na região”, disse a defensora pública.

 

Na Cozinha Show, o destaque foi para a oficina com os chefs André Barros e Floraci Dias, que mostraram a cozinha caipira na Amazônia. 

 

Artesanato

No festival também tem exposição de artesanato das louceiras do Maruanum e da Associação Maracá Cunani de Mazagão, espaço organizado pela Secretaria de Estado do Trabalho e Empreendedorismo (Sete).

 

Produtos do Campo

Os visitantes também poderão conhecer e adquirir os produtos da região. São legumes, frutas, verduras, queijos, geleias, entre outros, feitos pelos produtores amapaenses.

 

A primeira noite do festival encerrou com o prêmio Alcilene Cavalcante, que homenageia os melhores da gastronomia amapaense; e com uma homenagem ao secretário de Estado da Comunicação, Gilberto Ubaiara.

Prêmio Alcilene Cavalcante – Melhores da Gastronomia 2019

Destaque na culinária regional – Restaurante Dom Garcia

Doceria – Doce Brigaderia

Cafeteria – Empório Café Postal

Restaurante a quilo – Restaurante Sagrada Família

Franquia – Subway

Buffet – Reginnis Buffet

Culinária oriental - Restaurante japan

Hamburgueria – Boss Burguer

Restaurante de culinária funcional – Soul Bistrô

Culinária Internacional – Osteria Il Giardinetto

Churrascaria – Churrasco na Brasa

Melhor restaurante - 313 restaurante

Bar – Lotus Bar

Lanchonete – Benoliel

Pizzaria - Bizum

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO