PM aposentado condenado por estupro de criança é preso 11 anos após o crime no Amapá

Compartilhe:





Mais de uma década após o crime, a Polícia Civil prendeu nesta quinta-feira (18), em Macapá, um policial militar aposentado que estava condenado à prisão pelo estupro de uma criança de 5 anos ocorrido em 2008. A violência contra a menina aconteceu no município de Pedra Branca do Amapari, a 183 quilômetros da capital.

A prisão foi feita pela equipe de Capturas e aconteceu na casa onde Adélio Barbosa, de 59 anos, morava no bairro Pacoval, na Zona Norte. O endereço fica a uma rua do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), para onde foi conduzido após ser detido.

O titular da Delegacia de Polícia Especializada (DPE), Fábio Araújo, explicou que o militar sempre negou o crime e que estava com mandado de prisão expedido desde 2017. Ele estava como servidor público ativo na data do crime.

"A criança, à princípio estudava na mesma escola que a filha do condenado. E, ele, nessa provavelmente dinâmica de deixar e buscar acabou criando intimidade e acabou abusando dela", detalhou.

O PM foi levado para o Ciosp, mas foi encaminhado ainda durante a manhã para o Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen), onde vai cumprir a pena de 8 anos.

 

"Estávamos trabalhando nesse caso há um ano e ele circulava em várias casas aqui e não tinha um paradeiro certo em Macapá e Pedra Branca", explicou Araújo.

O policial disse em depoimento que não havia se entregado antes porque aguardava o julgamento de recursos. O G1 não localizou a defesa do condenado.

"Fomos incansáveis em continuar com esse mandado e quando foi hoje conseguimos prender ele aqui em Macapá, na própria casa que ele está residindo no bairro Pacoval", finalizou o delegado.

 

Fonte: https://g1.globo.com/ap/amapa/noticia/2019/10/17/pm-aposentado-condenado-por-estupro-de-crianca-e-preso-11-anos-apos-o-crime-no-amapa.ghtml / Foto: Jorge Abreu/Arquivo G1

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO