Davi e Randolfe montam força-tarefa em busca de investimentos para Santana






Os parlamentares propõem destinar R$70 milhões das emendas impositivas de bancada para infraestrutura urbana. A ideia é que o valor seja dividido entre os orçamentos de 2018 e 2019

Os senadores amapaenses Davi Alcolumbre (Democratas) e Randolfe Rodrigues (REDE) receberam em Brasília, na última quarta-feira,03, os representantes da Câmara de Vereadores de Santana e o prefeito do município, Ofirney Sadala, para discutir sobre a destinação das emendas para a cidade

Os senadores informaram que irão defender junto aos demais parlamentares do Amapá, para que da emenda de bancada deste ano sejam destinados R$ 35 milhões de reais para urbanização de Santana, pavimentação e mobilidade urbana. Com isso outros R$35 milhões relativos ao orçamento de 2019 novamente serão destinados para o segundo maior município do Amapá, totalizando R$ 70 milhões de reais em investimentos em mobilidade urbana “Consideramos que com esses recursos será possível pavimentar mais de 35km de ruas e avenidas da cidade. Só para se ter uma ideia, esse investimento é superior ao que o governo do Estado está fazendo através do BNDES, em Santana” avaliou Davi   

Os senadores levarão um documento assinado por eles assumindo esse compromisso com a emenda de bancada deste ano e de 2019 e com o apoio do prefeito Sadala e dos vereadores de Santana buscarão coletar as assinaturas dos demais nove membros da bancada federal do Amapá.

Emendas individuais também foram priorizadas. O senador Davi alocará para o município R$ 3 milhões de reais para recuperação e construção de passarelas, já o senador Randolfe Rodrigues também comprometeu-se com o repasse das emendas individuais para os santanenses.

Uma pauta de fundamental importância para Santana é a infraestrutura urbana, um problema antigo que a cidade enfrenta. “Tratamos com os senadores Davi e Randolfe daquele assunto que sempre incomodou os santanenses, os “buracos” e viemos nessa força-tarefa garantir o apoio dos senadores para que possamos ter uma emenda de bancada para nossa cidade e saímos vitoriosos” ressaltou o prefeito Ofirney Sadala

O senador Davi também defendeu no encontro que a região metropolitana de Macapá, que engloba Santana e Mazagão, que dependem das emendas de bancada dos próximos anos também sejam priorizadas. “Após a conclusão do hospital universitário, teremos no Estado um hospital na região que atenderá toda a população. Esta obra não pode parar. Tenho um compromisso, juntamente com todos os parlamentares do Estado com a área da saúde”, explicou Davi.

Participaram da reunião os vereadores de Santana liderados pela presidente da Câmara Helena Lima, Anderson Almeida, Angelo dos Santos, Coló, Fabiano Leandro, Griti, Rato, Katia Lima, Marco Aurelio, Rarison Santiago e Robson Coutinho, além do prefeito de Laranjal do Jari, Marcio Serrão 
 

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO