Por videoconferência, Estado vai discutir ensino não-presencial em escolas de tempo integral

Compartilhe:





Dialogar sobre como fortalecer o processo de ensino e aprendizagem nesse período de pandemia do novo coronavírus será o objetivo de um encontro on-line entre gestores das escolas do novo Saber, de tempo integral. A iniciativa, da Secretaria de Estado da Educação (Seed), visa tratar ainda sobre organização entre escola e trabalhos em casa.

O encontro acontecerá nesta terça-feira, 7, às 15h, por meio da plataforma digital Google Meet. Será direcionado aos gestores que devem acessar este link que será direcionado ao grupo.

De acordo com a especialista em gestão da Seed, Míria Patrícia Ferreira, o momento atual exige diálogos constantes com os profissionais que lidam com educação na rede estadual de ensino.

“É um momento desafiador que traz reflexões importantes a todos nós e para aqueles que compartilham o trabalho na escola conosco. Essa iniciativa surge porque temos o objetivo de fazer com que a metodologia das escolas de tempo integral possa ser compreendida no prazer pedagógico e aplicada corretamente”, disse a Míria Ferreira.

Com a suspensão das aulas, as escolas estão gerindo atividades pedagógicas não-presenciais. Recentemente, a Seed realizou uma consulta pública para avaliar a educação no momento de pandemia e tratar, futuramente, o retorno das aulas.

Nas escolas de tempo integral, segundo Míria Ferreira, o diferencial é a formação integral pautada em princípios de busca do entendimento e assentado nos princípios que devem dar sentindo e intenção ao trabalho realizado.

“Estamos mobilizando para que possamos, a partir desse mês de julho, reunir para dialogar sobre as escolas e o trabalho até o momento, estamos muito gratos pelo empenho de sempre e dedicação de todos, que reflete o espírito de serviço do modelo”, finalizou a gestora de gestão da Seed.

 

Por: Valdeí Balieiro / Foto: Arquivo/Seed

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA Notcia