Fazenda da Esperança recebe apoio institucional do poder Judiciário do Amapá






Representando a Comissão de Direitos Humanos (CDH) da Assembleia Legislativa do Amapá (Alap), o deputado Charles Marques (DC), acompanhado do representante institucional da Alap em Brasília, Elpídio Amanajás, visitou o Tribunal de Justiça do Estado (Tjap), na manhã desta terça-feira (8), onde foi recebido pelo presidente da instituição, desembargador Carlos Tork e pelo juiz auxiliar da presidência, João Matos. No encontro, Charles Marques solicitou o apoio institucional do Judiciário para a implantação e manutenção da Fazenda da Esperança no estado.

O presidente do Tjap, desembargador Carlos Tork, elogiou o projeto e prometeu reunir-se com os magistrados que gerenciam fundos financeiros para buscar formas de contribuir com a Fazenda. ?A comunidade de dependentes químicos, é aquilo que a gente chama de excluídos. Excluídos de sentimento coletivo, seja pela própria dependência, seja pelo que isso gera na sociedade. Projetos como esse, da Fazenda da Esperança, dão exatamente esse tom. O tom da esperança, de voltar à inclusão. A inclusão da humanidade, a inclusão do sentimento e a inclusão do social. Nós, do Judiciário, apoiaremos naquilo que for possível, dentro dos nossos limites. Já iniciamos uma agenda de trabalho, para a conversa evoluir e, tenho certeza de que, a partir da coordenação do desembargador Romel Araújo e dos juízes Rogério Funfas, Priscila e João Matos, o assunto evoluirá. Além do apoio financeiro que poderá ser concretizado por meio de nossa estrutura de fundos, a Fazenda da Esperança terá, certamente, todo apoio institucional necessário”, enfatizou.

Para o deputado Charles Marques, a visita serviu para confirmar o compromisso com a sociedade amapaense, que o Judiciário sempre demonstrou ter. "O Judiciário, na pessoa do desembargador Tork, confirmou sua participação no apoio à implantação da Fazenda da Esperança no Amapá. 

Elpídio Amanajás, um dos articuladores em prol do projeto Fazenda da Esperança, considerou positiva a visita e anunciou a data da inauguração das instalações do projeto no estado. "O Judiciário amapaense caminhará junto com o Legislativo na implantação desse projeto no estado. Já haverá um desdobramento dessa visita, que será uma reunião com os magistrados para tomarem conhecimento e, com certeza, se engajarem, nesse projeto. AGÊNCIA DE NOTÍCIAS – Alap.

Texto: Paulo Oliveira
Fotos: Jaciguara Cruz

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO