Governo do Amapá mostra avanços na oncologia durante audiência pública






Como uma das etapas da instalação da Unidade Fixa de Prevenção e Diagnóstico do Hospital do Câncer de Barretos (HCB), o Governo do Estado do Amapá (GEA) apresentou na manhã desta segunda-feira, 25, a atual formulação para tratamento da doença pela Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon). A apresentação ocorreu durante audiência pública na Assembleia Legislativa do Amapá (Alap). A discussão foi para explanar aos deputados e à sociedade em geral o trabalho que vem sendo feito e o quanto deve melhorar com a instalação do HCB prevista para até o fim de 2018.

Na oportunidade, o titular da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), Gastão Calandrini, frisou os desafios e a perspectiva do Executivo para reunir esforços no sentido de buscar melhorias no atendimento oncológico e dar ao usuário o diagnóstico precoce, tratamento e uma nova reformulação na assistência especializada.

"Nossa Unacon tem cerca de 4,5 mil usuários cadastrados que hoje fazem uso do serviço mantido pelo Estado. Temos dificuldades de dar uma melhor assistência a esses pacientes devido a tabela oncológica para tratamento pelo SUS [Sistema Único de Saúde] não ser reajustada desde 2002, o que acaba onerando o Estado. Mesmo assim, com as contrapartidas, temos reunido esforços para prestar o atendimento, mesmo que pelo Programa de Tratamento Fora de Domicílio", explicou Calandrini.

O governo do estado tem trabalhado para que a população do Amapá tenha atendimento integral de prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer. Junto ao Hospital de Barretos, vai garantir a prevenção e diagnóstico inicialmente do câncer de mama, colo de útero e posteriormente estenderá para pele, boca e outros.

As tratativas para a implantação da unidade de prevenção e diagnóstico iniciaram no primeiro semestre de 2015 com visita técnica de gestores da saúde em Barretos, e foi fortalecida após a ida de parlamentares na unidade do interior de São Paulo.

Quando a Unidade de Prevenção estiver pronta, no caso de um diagnóstico positivo, o paciente será encaminhado para tratamento na Unacon.

 Avanços

Outro passo importante da gestão é a construção do Hospital do Câncer. O projeto arquitetônico está finalizado e será encaminhado para análise do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O complexo será todo construído na zona norte de Macapá, onde estão sendo construídas as instalações da Unidade Fixa do HCB.

Com o sistema de atendimento contra o câncer completo - a Unidade de Prevenção de Barretos, a nova Unacon e o tratamento de radioterapia -, além de vidas salvas, os custos com o Programa Tratamento Fora de Domicílio (PTFD) serão reduzidos significativamente.

Para o presidente do HCB, Henrique Prata, esse é um passo importante para o Estado. "Com essa estrutura, o Amapá estará se igualando aos grandes centros de tratamentos do câncer de todo o país, o que para nós também é uma grande satisfação. O lema do Hospital de Barretos sempre foi o trabalho com amor e ver isso se difundindo é muito gratificante, especialmente quando se trata de vidas salvas", disse Prata.

Por: Elmano Pantoja /  Foto: Maksuel Martins/Secom

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO