Suspeito de homicídios morre em tiroteio com o Bope na Zona Sul de Macapá

Compartilhe:





Arilson dos Santos Chagas, de 23 anos, morreu nesta quarta-feira (13) numa troca de tiros com o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope). Ele teria reagido a uma abordagem da equipe no bairro Pedrinhas, Zona Sul de Macapá. De acordo com a corporação, o jovem era suspeito de assassinatos.

As mortes são de um açougueiro e de um idoso, de 72 anos, ocorridas há mais de 1 ano, ambas no mesmo bairro. Arilson ainda era investigado de tráfico de drogas, porte ilegal de arma e roubo, segundo o Bope. Ele também estava descumprindo prisão domiciliar, pois se escondia em outra residência.

A Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam), uma das companhias do Bope, chegou ao paradeiro do jovem após denúncia anônima de que ele estava portando arma de fogo e ameaçando a comunidade da região conhecida como Vila das Oliveiras.

Arma apreendida com suspeito — Foto: Bope/Divulgação

Chegando na casa onde Chagas estava escondido, por volta de 12h30, os policiais foram recebidos a tiros. Para a proteção, eles revidaram e o suspeito terminou atingido. Na residência foi apreendido o revólver calibre 38 usado pelo criminoso.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e constatou a morte do jovem ainda no local. A Polícia Técnico-Científica (Politec) também esteve na casa para realização da perícia.

 

Fonte: https://g1.globo.com/ap/amapa/noticia/2020/05/13/suspeito-de-homicidios-morre-em-tiroteio-com-o-bope-na-zona-sul-de-macapa.ghtml / Foto: Bope/Divulgação

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO