Obras avançam na duplicação da Nova Duca Serra

Compartilhe:





O Governo do Amapá concluiu a pavimentação de mais uma frente de trabalho do projeto da Nova Duca Serra (AP-020), na zona oeste de Macapá. O trecho em questão é de aproximadamente 1,5 quilômetro e está localizado no sentido Macapá-Santana.

De acordo com a Secretaria de Estado de Transporte do Amapá (Setrap), que executa os trabalhos, antes do asfaltamento, o perímetro recebeu limpeza, delimitação da pista e terraplanagem. O trecho recém-pavimentado foi provisoriamente liberado para o tráfego de veículos nos dois sentidos, para que o outro lado da pista passe, agora, a receber a terraplanagem e pavimentação.

A Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) também atua no local, com o remanejamento de postes, rede e alimentadores que atualmente estão dentro da faixa de domínio da rodovia.

O trecho em questão também contará com uma rotatória em elipse e canteiro central; ambas as estruturas serão urbanizadas.

“Paralelo a esse trabalho, uma equipe está adaptando o sistema de drenagem da região, para que a água das chuvas que cairão no futuro canteiro tenha para onde escoar”, adiantou o secretário de Transporte, Benedito Conceição.

Outras frentes

O projeto de duplicação da Rodovia Duca Serra já finalizou a frente de trabalho na Linha A da AP-440 (Rodovia do Km 9). Foram executados nos 500 metros de extensão da via drenagem, terraplanagem, pavimentação e sinalização.

Também há equipes trabalhando na terraplanagem em 1 quilômetro de extensão da rodovia, nas proximidades da rotatória do Distrito Industrial, conhecida como “Trevão”. O mesmo serviço deve ser iniciado ainda este mês, no sentido Santana-Macapá, num trecho de 4 quilômetros, que inicia próximo ao 4º Batalhão de Polícia Militar, em Santana, e segue até a rotatória do Trevão. O local já passou por limpeza e demarcação da futura pista.

Duplicação

A obra foi lançada em agosto deste ano e está sendo executada via administração direta pela Setrap. Além da duplicação de 17 quilômetros da rodovia, o projeto prevê a construção de 12 retornos, duas rotatórias, quatro passarelas elevadas, ciclovia, acostamento e barreiras de segurança, e sinalização horizontal e vertical.

 

Por: Joyce Batista /  Foto: Maksuel Martins/Secom

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO