Carreta da Mulher inclui realização de testes rápidos em seus serviços






A Carreta Saúde da Mulher incluiu mais um serviço dentre os atendimentos que são realizados na unidade móvel. Agora, as usuárias podem fazer testes rápidos de HIV, sífilis e hepatites B e C em livre demanda, um mecanismo fundamental para o diagnóstico e prevenção de infecções sexualmente transmissíveis.

Uma das vantagens do teste, além da confiabilidade, é o acesso imediato ao resultado. “Caso seja negativo, o profissional de saúde tem a oportunidade de reforçar e discutir a prevenção com a paciente. Se a infecção for comprovada, é feita a orientação necessária e encaminhamento para o acompanhamento adequado, garantindo uma rapidez no início do tratamento”, explica a coordenadora da carreta, Kelly Bittencourt.

A falta de tempo dificulta a frequência de cuidados básicos, mas não pode impedir. Esperar o sintoma chegar não é a melhor opção. Por isso, a Secretaria Municipal de Saúde também oferece diariamente na carreta as consultas ginecológicas, coleta de PCCU, ultrassonografia da mama e transvaginal e encaminhamento para mamografia.

A unidade, que realiza atendimento de forma itinerante, está desde o início de novembro no bairro Cabralzinho. Para receber os atendimentos, é necessário que a usuária leve cartão do SUS e documento oficial com foto. No caso de ultrassonografia, é necessário apresentar requisição médica, que pode ser solicitada nas Unidades Básicas de Saúde ou na própria carreta, após as consultas. A Carreta da Saúde da Mulher atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na Alameda Araguari, próximo ao Departamento de Vigilância Ambiental.

 

Jamile Moreira

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO