1ª, 2ª e 3ª dose da vacina contra a Covid-19 é ofertada nesta sexta-feira (8)


Profissionais de saúde que atuam nas unidades municipais e estaduais de Macapá também começam a receber a dose de reforço.


As ações de vacinação contra a Covid-19 desta sexta-feira (8) atendem todos os públicos já convocados até o momento e os profissionais de saúde municipais e estaduais que atuam nas unidades de Macapá.

Confira os públicos e seus respectivos pontos de atendimento:

3ª dose (dose de reforço)
A vacinação com a dose de reforço é voltada ao público geral acima de 60 anos, imunodeprimidos e transplantados de órgãos sólidos. A vacina está disponível entre 9h e 15h na Universidade Federal do Amapá (Unifap), Amapá Garden Shopping, Instituto Federal do Amapá (Ifap), Centro de Especialidades Dr. Papaléo Paes e Unidade Covid Santa Inês.

Período entre doses
O tempo mínimo estabelecido para aplicação da terceira dose nas pessoas acima de 60 anos é de cinco meses. Já os imunodeprimidos e os transplantados de órgãos sólidos podem receber a dose de reforço após 28 dias.

Imunodeprimidos
Os imunodeprimidos são pessoas que apresentam imunodeficiência primária grave, portadoras de HIV/Aids, com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (como exemplo as doenças reumatológicas e auto inflamatórias), além de pacientes transplantados de órgão sólido ou de células tronco, que realizam quimioterapia para câncer, hemodiálise e utilizam corticóides com dose superior a 20 mg por dia e drogas modificadoras da resposta imune. Esse público deverá apresentar um laudo médico que comprove a sua condição.

3ª dose para profissionais de saúde
Serão atendidos para vacinação com a dose de reforço os profissionais de saúde da rede municipal e estadual que atuam nas unidades de Macapá. Para receber o imunizante, o intervalo entre a 2ª e a 3ª dose é de, no mínimo, 5 meses.

A vacina está disponível nos dias 8 e 9 de outubro, das 9h às 15h, na Igreja Evangélica dos Irmãos, localizada na Rua Jovino Dinoá, 1660 – Central. A documentação que deve ser apresentada por este público é o comprovante ou declaração de vínculo (contracheque, crachá ou documento da instituição), carteira de vacinação ou declaração do ConecteSUS e documento oficial com foto.

1ª dose de adolescentes
Para os adolescentes de 12 a 17 anos e gestantes, a vacina está disponível entre 9h e 15h na Universidade Federal do Amapá (Unifap), Amapá Garden Shopping, Instituto Federal do Amapá (Ifap) e Unidade Covid Santa Inês.

1ª dose de 18 anos +
A vacina para este público está disponível nos pontos de drive-thru instalados na Praça Floriano Peixoto, Estádio Zerão, Rodovia do Curiaú, Marabaixo e na quadra da Igreja Jesus de Nazaré. Todos os locais de vacinação funcionam das 9h às 15h.

2ª dose de Astrazeneca e Pfizer
O público que iniciou o ciclo de imunização com as vacinas Pfizer/BioNTech e Oxford/AstraZeneca e tem o prazo de aplicação da segunda dose previsto para acontecer até o dia 20 de outubro, já pode antecipar o encerramento do seu esquema vacinal.

A vacina Pfizer/BioNTech está disponível na Unifap, Amapá Garden Shopping, Ifap, Centro de Especialidades Dr. Papaléo Paes e Unidade Covid Santa Inês.

A Astrazeneca está disponível nos pontos de drive-thru instalados na Praça Floriano Peixoto, Estádio Zerão, Rodovia do Curiaú, Marabaixo e na quadra da Igreja Jesus de Nazaré. Todos os locais de vacinação funcionam das 9h às 15h.

2ª dose de CoronaVac
A CoronaVac está disponível para quem está no período de recebimento nos pontos de drive-thru instalados na Praça Floriano Peixoto, Estádio Zerão, Rodovia do Curiaú, Marabaixo e na quadra da Igreja Jesus de Nazaré, das 9h às 15h.

Documentos
Para ser vacinado, é necessário apresentar os originais e cópias de um documento oficial com foto, comprovante de residência, CPF e carteira de vacinação.

O público que receberá a 2ª dose deve apresentar a carteira de vacinação com indicação do recebimento da 1ª dose. Já as pessoas que receberão a 3ªdose do imunizante verão ter a indicação da aplicação da 2ª dose da vacina.

Os transplantados de órgãos sólidos e os imunodeprimidos deverão apresentar um laudo médico que comprove a sua condição.

Os adolescentes entre 12 e 17 anos que receberão a primeira dose da vacina deverão fazer o procedimento acompanhados de um responsável.

 

 

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO