PPI: Governo incentiva produção de mandioca com mecanização de terras da agricultura familiar


Somente na comunidade de Salamito, no Pacuí, 20 famílias já contam com auxílio para o plantio. Expectativa é iniciar a colheita em oito meses.


O Governo do Amapá já iniciou o atendimento aos agricultores familiares para o plantio de mandioca da safra 2021/2022. Para incentivo desta cultura, o Programa de Produção Integrada de Alimentos (PPI) investe mais de R$5 milhões, atendendo 36 associações e 720 famílias com a mecanização da terra. 

Os técnicos da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e do Instituto de Extensão, Assistência e Desenvolvimento Rural do Amapá (Rurap). elaboraram um planejamento para atender todos os agricultores que integram o programa, com objetivo de aumentar a área plantada e ampliar a produtividade da agricultura familiar amapaense. 

 

Uma das comunidades atendidas é Salamito, no distrito do Pacuí, em Macapá. Somente nesta região, 20 famílias são atendidas com auxílio no preparo e adubação da área (arado e calcáreo) com investimentos de R$145,600 mil. 

 

Para o produtor e presidente da Associação de Moradores e Agricultores Agropecuários da Comunidade de Salamito, Iane Vilhena, o benefício do PPI trará para o agricultor um aumento de renda.

“Com o acompanhamento técnico vamos produzir mais. Antes, com muito esforço produzíamos no máximo oito toneladas de raiz e nesse tipo de plantio podemos chegar até 20 ou 22 toneladas, com uma média de produção de até 130 sacos de farinha”, informou Vilhena.

 

 

Outra produtora beneficiaria do PPI é Joaquina Costa, 54 anos, que já está com sua área preparada e somente aguardando o período para o plantio.

“O programa é importante para nós e meu terreno já recebeu todo o preparo e, agora, só estou esperando o tempo das chuvas para começar a plantação das raízes”, frisou.

 

De acordo com o técnico da SDR e responsável pela fiscalização dos serviços na região, Júlio Verdiano, os trabalhos já iniciaram e neste período concentram-se no preparo de área.

“Seguimos utilizando áreas que estavam esquecidas e iniciamos com o arado pesado e em seguimos refinamos a terra e, após alguns dias, colocamos o insumo, que é o calcáreo, e aguardamos o tempo de início das chuvas para o plantio. Dependendo da espécie da raiz, em até oito meses poderemos estar realizando a colheita”, disse. 

PPI 2021

O PPI é coordenador pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR). Em 2021, o programa já alcançou 1.290 produtores de 64 entidades agrícolas, totalizando R$ 11 milhões para a agricultura familiar, que é parte dos R$55 milhões destinados ao setor econômico nos últimos 18 meses.

 

Por: Weverton Façanha

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO