‘Meu telefone fica ligado 24 horas para atender sempre’, diz obstetra que realizou parto em domicilio



Na quinta-feira (25), a equipe do Estratégia Saúde da Família realizou um parto em domicilio na comunidade da Ilha Redonda. Os profissionais receberam o chamado através de ligação.

A obstetra Regina Cordeiro conta que este procedimento não acontece com frequência, porém, as equipes sempre estão em alerta para atendimentos de emergência.

“Trabalhamos diariamente atendendo a comunidade. O parto em casa transcorreu normalmente e após todos os procedimentos encaminhamos a mãe e o bebê para maternidade, onde será feita a avaliação”, explicou.

O parto aconteceu durante o dia. A equipe foi acionada por telefone e a obstetra relata o momento de emoção que viveu e a importância de ter profissionais qualificados.

“Essa é uma experiência única. Tenho um amor imenso pela profissão, sou obstetra. A sensação é de gratidão. Meu telefone fica ligado 24 horas e a disponibilidade para atender é sempre. Trabalhamos na ESF Rural, onde são pessoas que precisam muito, pois algumas não possuem transporte para chegar à maternidade. Minha equipe tem um bom preparo para fazer esses atendimentos, essa é a importância de profissionais qualificados atuando em zona rural, destacou a médica.

A gestante veio da região próximo de Tartarugalzinho e este é o primeiro filho de Sidielly Costa – o pequeno irá se chamar Wenderson Costa e nasceu pesando 3.280 quilos. Caso haja a permanência da mãe na comunidade, os profissionais irão auxiliar com as consultas de puericultura, vacinação e acompanhar o desenvolvimento infantil.

Estratégia Saúde da Família
A Estratégia Saúde da Família (ESF) busca promover a qualidade de vida da população brasileira e intervir nos fatores que colocam a saúde em risco. ESF se fortalece como uma porta de entrada do Sistema Único de Saúde (SUS).

 

Por Ana Cleide Torres

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO