Estudantes podem acessar benefício da Meia-Passagem na sede do Setap



O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap) iniciou na segunda-feira, 10, o cadastramento e recadastramento da meia-passagem. O trabalho de recadastro (para quem já tem o benefício) e de cadastro (novos beneficiários) vai se concentrar na sede do Setap, na Padre Júlio, entre Tiradentes e General Rondon, e prosseguir até o dia 29 de abril, das 8h às 17h.

Os documentos necessários tanto para cadastro quanto recadastro são: declaração escolar ou comprovante de matrícula, RG ou Certidão de Nascimento (cópia) e comprovante de residência (cópia). A taxa de cadastro é de R$ 15 e de recadastro R$ 10.

Caso o aluno tenha perdido a carteira e deseje pedir uma segunda via, deve fazer um boletim de ocorrência da perda e levar junto com os demais documentos. Esse BO pode ser feito pela Internet no site http://delegaciavirtual.policiacivil.ap.gov.br/.   

O estudante poderá obter mais informações pelo site www.vtsetap.com.br. Após a conclusão do cadastro, quem não se regularizou terá o cartão bloqueado.

Paralelamente ao cadastro da meia-passagem, o governo do Estado vai abrir em fevereiro o cadastro do Passe Livre Estudantil por meio da Secretaria de Inclusão e Mobilização Social. Para obter o Passe Livre, o estudante deve estar inserido no programa de Meia-Passagem e enquadrado no perfil de vulnerabilidade social estabelecido pelo Estado.

Renivaldo Costa, diretor de comunicação social do Setap, explica que desde 2020, os estudantes da rede estadual de ensino podem ter acesso à declaração escolar virtual emitida na plataforma on-line do Sistema Integrado de Gestão da Educação (SigEduc). O benefício da meia-passagem atende estudantes de Macapá, Santana e Mazagão.

Renivaldo Costa, diretor de comunicação social do Setap

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO