POLÍCIA CIVIL INDICIA DUAS PESSOAS DO ESTADO DE MINAS GERAIS POR ESTELIONATO VIRTUAL



A Polícia Civil do Amapá, por meio da Delegacia de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DR-CCIBER), indiciou duas pessoas, em dois inquéritos policiais, pela prática do crime de estelionato virtual.

De acordo com a Delegada Aurea Uchoa, os indiciados aplicaram golpes através da falsa venda de produtos de maquiagem no atacado, utilizando um perfil falso no instagram.

"Eles se passavam por uma loja situada no Brás, em São Paulo, e realizavam venda online com valores atrativos, fazendo vítimas em todo o Brasil. Em Macapá, duas vítimas compraram cerca de R$ 1 mil cada uma, com a intenção de revender os produtos. As vítimas efetuaram o pagamento e não tiveram mais nenhum retorno da suposta empresa, até que foram bloqueados. O perfil utilizado no golpe foi retirado do ar mediante solicitação da DR-CCIBER", explicou a Delegada.

Os indiciados possuem uma relação de parentesco e são do estado de Minas Gerais.

A Delegada informou ainda que as pessoas precisam ser mais cautelosas ao realizarem compras de forma virtual, pois os criminosos criam perfis falsos e anúncios de venda, seja por site, instagram, facebook e olx, para conseguirem aplicar golpes nos interessados.

 

Foto: Polícia Civil

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO