Último dia de inscrições no Prêmio Innovare 2022


Terminam hoje, dia 22 de abril, as inscrições para o 19º Prêmio Innovare, edição 2022. O preenchimento do formulário deve ser feito no próprio site, após a criação de um cadastro.

Há 19 anos, o Prêmio Innovare destaca as iniciativas criadas e colocadas em prática por profissionais que atuam no Sistema Judiciário, promovendo soluções inovadoras, que tornam a justiça mais acessível à população.

Este ano será dado um Prêmio Destaque para a iniciativa que tenha como tema a Educação e Cultura: o futuro do país.

Desde 2004 o Prêmio Innovare já selecionou mais de 7.900 iniciativas, todas elas colocadas em prática por profissionais que se preocupam em criar boas soluções para o andamento da justiça brasileira. 

Algumas dessas ações, depois de premiadas pelo Innovare, transformaram-se em políticas públicas e disseminaram-se pelo país, promovendo o atendimento mais humano e eficiente à população.

Como se inscrever no Prêmio Innovare?

Para se inscrever, os interessados devem fazer um cadastro no site www.premioinnovare.com.br e preencher um formulário com perguntas-chave. O prazo vai até o dia 22 de abril. No entanto, recomenda-se que as inscrições sejam realizadas o quanto antes, para evitar imprevistos.

“Não é preciso redigir um pdf ou preparar uma apresentação. Ao responder as perguntas do formulário, o candidato já nos mostrará um resumo com todas as informações necessárias para a avaliação da prática, que, depois, serão complementadas pela visita dos consultores do Innovare e do DataFolha”, conta a Coordenadora da premiação, Raquel Khichfy.

Veja aqui um vídeo com o passo a passo sobre como se inscrever

As perguntas devem ser respondidas de forma objetiva, com destaque para números e evidências que comprovem a eficácia do trabalho.

“É importante destacar que o Innovare não aceita a inscrição de ideias, teses, monografias, projetos que ainda não tenham sido colocados em prática e nem livros. Os livros podem ser incluídos como parte da iniciativa inscrita, mas não como a prática em si”, explica Raquel. “O objetivo da premiação é destacar soluções criativas que tenham, comprovadamente, bons resultados, para que possam ser replicadas em outras regiões, colaborando para aprimorar o sistema de justiça”, afirma.

Veja algumas dúvidas frequentes sobre o tipo de trabalho que pode ser inscrito no Innovare

Categorias têm tema livre

As categorias para inscrição no 19º. Prêmio Innovare são:

- Tribunal: Boas práticas que sejam realizadas no âmbito de um Tribunal e que podem ser apresentadas pelo próprio presidente, por magistrado(s) ou por magistrado(s) e servidor(es) conjuntamente.

- Juiz: Podem ser realizadas por magistrados, individuais ou coletivas, que se destaquem pela criação, planejamento, implementação e execução de práticas no âmbito do Poder Judiciário. 

- Ministério Público: Boas práticas individuais ou coletivas desenvolvidas e realizadas no âmbito do Ministério Público, por membros dos Ministérios Públicos estaduais e do Ministério Público Federal.

- Defensoria Pública: Boas práticas individuais ou coletivas de defensores públicos estaduais ou federais, no âmbito da Defensoria Pública.

- Advocacia: Podem se inscrever advogados públicos ou privados que se destaquem pela criação, planejamento, implementação e execução de práticas no âmbito das instituições da advocacia pública, escritórios privados e escritórios modelos de universidades.

- Justiça e Cidadania: Iniciativas que contribuam para o melhor funcionamento da Justiça, desenvolvidas por profissionais de qualquer área do conhecimento, exceto os contemplados nas categorias acima.

Clique aqui e leia o regulamento completo

Ainda tem dúvidas? Entre em contato conosco pelo email contato@premioinnovare.com.br.

Fonte: INSTITUTO INNOVARE

Veja fotos


Trofeus Innovare

O que achou desta notícia?