Central do Enem: estudantes iniciam preparação para o exame 2022 em escolas polos

Aproximadamente 100 alunos estiveram presentes no polo Gabriel de Almeida Café.

O primeiro dia de aula da Central do Enem, aconteceu nesta quarta-feira, 20, na escola polo Gabriel de Almeida Café, na capital.

Cerca de 100 estudantes da instituição estiveram presentes com o objetivo de se preparar para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

LEIA MAIS: Central do Enem: Governo ativa novas escolas polos e preparação inicia nesta quarta-feira 

O programa também atende o público em geral, com vídeoaulas no canal do YouTube da Secretaria da Educação (Seed).

A preparação já iniciou nas escolas Antônio Cordeiro Pontes, Nanci Nina da Costa e Alexandre Vaz Tavares, todas em Macapá.

Para Keise Souza, 18 anos, estudante do terceiro ano, a Central do Enem é uma oportunidade única de se capacitar para o exame.

“Fortalece ainda mais o que trabalhamos nas aulas regulares, me sinto mais confiante estudando com esse auxílio”, disse a estudante.

Segundo Odamir Sussuarana, professor de Biologia da Central do Enem, a preparação é fundamental para o bom desempenho do estudante.

“Quando um aluno se dedica desde o começo, as chances de obter bons resultados são grandes, e o programa vem justamente oferecer suporte ao estudante para conquistar a tão sonhada  aprovação”, completou o professor.

Cronograma

A partir de 28 de abril,  a Central do Enem alcança as escolas Rivanda N. S. Guimarães, Maria Ivone de Menezes, Mário Quirino da Silva, Maria Neusa do Carmo, Gonçalves Dias e Alexandre Vaz Tavares. 

Já no sábado, 30, as aulas iniciam na Escola Afonso Arinos, em Santana. Em 25 de maio, será a vez da Escola Azevedo Costa.

Para Arnanda Oliveira, coordenadora da Central do Enem, a retomada do programa foi bem articulada para aumentar o interesse dos estudantes.

“Planejamos junto com as escolas a busca ativa de seus estudantes pela Central do Enem. Incentivamos nossos jovens a se prepararem ainda mais para o vestibular”, completou Arnanda.

Ao todo, serão 11 escolas polos, sendo 10 em Macapá e uma em Santana. As aulas serão distribuídas em cinco ciclos de estudos compostos pelas quatro Áreas do Conhecimento e a Redação.

Central do Enem

Desde 2016, o Governo do Amapá possibilita que estudantes da rede estadual de ensino possam se preparar para as provas através da Central do Enem. Em 2020, o programa foi aberto ao público em geral de forma online no YouTube, por conta da pandemia. 

Ao todo, 22 professores da rede estadual de ensino, com vasta experiência em preparatório para exames, foram disponibilizados para dedicação integral ao projeto.

Todas as áreas do conhecimento são contempladas: matemática; linguagens, códigos e suas tecnologias; ciências humanas e sociais aplicadas; ciências da natureza e suas tecnologias.

 

 

Por: Fernando Carneiro Pereira


O que achou desta notícia?