Três pessoas são presas no Infraero I por tráfico de drogas


Nesta terça-feira, 26, a Polícia Civil do Amapá, por meio da Delegacia de Tóxicose Entorpecentes (DTE), prendeu três pessoas em flagrante por tráfico de drogas.

As prisões ocorreram na Travessa Douglas, no bairro Infraero I, em Macapá.

A primeira prisão se deu na parte da manhã quando a equipe da DTE estava realizando campana policial na entrada da área de ponte. Um homem, investigado pela DTE, entrou na ponte demonstrando nervosismo ao ver o carro da polícia parado no local. Mesmo sendo uma viatura descaracterizada, ele desconfiou e saiu apressadamente. A equipe da DTE foi atrás dele e viu quando ele entrou em casa. Os Policiais começaram a conversar com ele quando sua irmã chegou querendo saber o que estava acontecendo. Ela estava com um nítido volume por baixo do short na altura da cintura. Os Policiais mandaram ela retirar o volume e mostrar o que era. Nesse instante, ela ficou muito nervosa e começou a falar que estava passando mal. Os Policiais insistiram e, quase meia hora depois, ela resolveu retirar o volume. Eram 18 papelotes de maconha devidamente embalados para a venda. O irmão dela estava com mais 1 papelotes de maconha idêntico ao que a irmã tinha escondido. Ambos receberam voz de prisão e foram conduzidos à DTE, onde foi constatado que o rapaz estava com mandado de prisão em aberto pelo crime de roubo.

O terceiro preso em flagrante é um motaxista clandestino. Ele foi preso na própria casa com 9 porções de cocaína e 8 porções de maconha, além de uma balança de precisão e diversos sacos plásticos para embalar a droga. Ele estava sendo investigado por estar se passando de mototaxista para distribuir drogas pela cidade com facilidade e sem chamar a atenção da polícia. Esse rapaz teve sua mãe assassinada quando integrantes de organização criminosa chegaram à sua casa para matá-lo, mas não o encontraram e acabaram matando a sua mãe.


O que achou desta notícia?