Foto: Junior Dantas/PMM
Nostalgia

Dia das Mães é marcado por orações, homenagens e saudade nos cemitérios de Macapá

Mais de 1,5 mil mudas de plantas foram distribuídas aos visitantes.

Orações, lembranças e saudade marcaram o Dia das Mães, celebrado neste domingo (8), nos cemitérios Nossa Senhora da Conceição, São José e São Francisco, em Macapá. Apesar da chuva que caia na capital, as homenagens começaram cedo e movimento foi considerado tranquilo.

Para quem perdeu a mãe, a data representa nostalgia e pesar, conta a aposentada Lurdes Sena, de 76 anos, em visita ao túmulo da ente querida, sepultada no cemitério Nossa Senhora da Conceição, na zona central de Macapá. “Deveria ser um momento de festa, mas a data traz certo vazio pra mim, não tenho mais a minha mãe “, admite.

Nas primeiras horas do dia a movimentação foi intensa no cemitério São Francisco de Assis, na zona norte da capital. No espaço estão sepultadas mais de 30 mil pessoas e é onde estão a maioria das vítimas da Covid-19. Já o cemitério São José, no bairro Buritizal, o maior fluxo foi no fim da tarde.

“No Dia das Mães venho aqui na sepultura da minha avó trazer flores, acender velas e fazer orações. Ela foi uma mãe pra mim. Tenho muita saudade. Minhas lembranças com ela serão eternas”, comenta emocionada a Edna Figueiredo, de 50 anos.

Aposentada Lurdes Sena e Edna Figueiredo | Fotos: Mônica Silva/PMM

 

Quem saiu de casa para prestar suas homenagens encontrou o trânsito sem agitação. Agentes da Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac), com o apoio da Polícia Militar do Amapá, supervisionaram as vias de maior concentração de tráfego.

Pelo menos 60 mil pessoas passaram pelos cemitérios para prestar homenagens. A Secretaria Municipal de Zeladoria Urbana informou que nenhuma eventualidade foi registrada no decorrer do dia.

“Tudo ocorreu como planejamos, sendo reflexo do trabalho desenvolvido pela Prefeitura de Macapá. As pessoas puderam visitar seus entes queridos com tranquilidade e segurança. Foram homenagens marcadas pela fé e saudade”, destaca o secretário municipal de Zeladoria Urbana, Jean Patrick Farias.

Mais de 1,5 mil mudas de plantas foram distribuídas aos visitantes | Foto: Junior Dantas/PMM

 

Como forma de ajudar nas homenagens realizadas pelas famílias, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Postura Urbana (Semam) entregou mais de 1,5 mil mudas de plantas para ajudar as pessoas na ornamentação de sepulturas.

Atendimento
Cerca de 100 servidores da Zeladoria Urbana estiveram prestando atendimento e orientação ao público. As equipes de fiscalização auxiliaram no ordenamento do comércio ambulante e as de limpeza estiveram de plantão das 8h às 18h, à disposição da população nos três cemitérios da capital. 

 

Por Mônica Silva 


O que achou desta notícia?