Certame

Concurso público para promotor de Justiça Substituto é discutido em reunião do MP-AP e Cebraspe


Ministério Público do Amapá (MP-AP) retoma a realização do concurso público para Promotor de Justiça Substituto da instituição que foi suspenso, em dezembro de 2021, por uma decisão liminar, revogada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), no último dia 29 de abril. Para definir o cronograma de execução das próximas etapas, a procuradora-geral de Justiça e presidente da Comissão do Concurso, Ivana Cei, reuniu virtualmente, nesta sexta-feira (6), com a direção do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) empresa contratada para realizar o certame.

Acompanharam a PGJ na reunião, o chefe de gabinete, João Furlan, e o promotor de Justiça Vinicius Carvalho, membro da Comissão do Concurso, os fiscais do contrato com o Cebraspe, assessor técnico José Villas Boas e o psicólogo Ricardo Barbosa, e as assessoras jurídicas do MP-AP, Andressa Rodrigues e Taianny Motta. A contratada foi representada no encontro virtual pelos diretores Roberta Vasconcelos e Robson Amorim.

O Cebraspe se comprometeu a publicar um aviso de retomada do Concurso Público do MP-AP, na segunda-feira (9), e no decorrer da semana será feita a publicação do Edital convocando para a próxima etapa. Em relação ao tempo entre a convocação e realização das etapas, assumiram o compromisso de informar a data de realização da fase seguinte quando da divulgação de resultado provisório.

O VII Concurso Público de Provas e de Títulos para o ingresso na carreira de Promotor de Justiça Substituto do MP-AP foi suspenso por uma liminar na Justiça, em dezembro de 2021, após a aplicação das provas discursivas.

“Vamos aguardar o envio pelo Cebraspe do cronograma para validação pelos membros da Comissão do Concurso. Nosso intuito é que essa retomada ocorra o mais breve possível, mas de acordo com todas as exigências legais”, afirmou Ivana Cei.

 

Texto: Gilvana Santos


O que achou desta notícia?