Foto: Arquivo/ Secom

Vigilância em Saúde explica aumento casos de covid-19 no Amapá

Dados do Centro de Monitoramento de Eventos de Saúde Pública apontam crescimento de 400% no número de novos casos em relação à semana anterior.

Relatório de monitoramento da Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS) aponta aumento de 400% nos casos de covid-19 notificados de 19 a 25 de junho. O número, 225, é quatro vezes maior que os da semana anterior, quando foram 45 notificações de novos casos da doença.

Segundo o comitê técnico da SVS, o aumento considerável nas notificações é por conta de resultados que estavam represados e começaram a ser liberados.

“Tivemos a informações de um laboratório da rede privada que estaria com análises represadas e que foram liberadas juntas, por exemplo, na última sexta-feira (24), foram 40 casos liberados somente por este laboratório e a expectativa é que nesta semana um novo volume alto de casos seja notificado, pois ainda existem muitas análises represadas, a maior parte do início do junho e do mês de maio”, explica a superintendente de Vigilância em Saúde do Estado, Margarete Gomes.

Além disso, o Governo do Estado tem realizado ações de testagem junto com as ações de vacinação, como ocorreu na vacinação disponibilizada nos portos de Macapá e Santana.

Na semana passada, as equipes atenderam solicitação de entidades privadas como universidades e também ofertaram a testagem nas instituições. A ação resultou em 13 casos reagentes e 230 não reagentes.

“Essas ações são importantes para termos uma real noção da situação epidemiológica da Covid-19, nesses casos notificados em todo o estado, cerca de 57% das notificações no e-SUS são de pessoas sem registro de vacinação”, explica a superintendente.

Vacinação

O Governo do Estado segue promovendo as campanhas de vacinação contra a covid-19 em todo o Amapá. O programa Vacina em Casa, promovido desde o início de junho, já atingiu mais de 12 mil pessoas com vacinas contra a Covid-19, sarampo e influenza. Só contra a covid, foram 5.119 doses aplicadas.

Atualmente, as equipes trabalham com a vacinação pela manhã e a revisita às casas fechadas no período da tarde, tanto em Macapá quanto em Santana.

Além disso, o Governo do Estado segue disponibilizando vacina a todos os municípios do estado, que estão abastecidos com doses para atender a população.

Atualmente, a cobertura vacinal do Amapá é de 74,22% para a primeira dose, 59,32% para segunda dose+dose única e de 20,73% para o reforço.

O percentual de ocupação de leitos voltados para a Covid-19 na rede pública e privada do Estado é de 14,3%.

 

Por: Rafaela Bittencourt


O que achou desta notícia?