Foto: PF

Polícia Federal prende em flagrante duas pessoas por compra de votos

Um homem e uma mulher foram detidos pela PF, em flagrante, no Congós, com aproximadamente 11 mil reais e santinhos de candidatos a federal e estadual. Segundo a PF, a mulher presa é irmã de uma candidata a deputada estadual.

A Polícia Militar e o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Amapá (GAECO) prenderam na manhã de hoje (30) no bairro Congós, um homem de 49 anos e uma mulher de 53 anos, quando transportavam em um carro, aproximadamente, 11 mil reais e diversos santinhos de candidatos ao cargo de deputado federal e à deputada estadual.

A mulher presa é irmã de uma candidata a deputada estadual. 

A Polícia Federal realizou o flagrante do casal por compra de votos, cujas penas podem chegar a 4 anos de reclusão, além do pagamento de multa. Caso se comprove o envolvimento dos candidatos, poderá haver a perda do mandato, caso eleitos.


O que achou desta notícia?


Cursos Básicos para Concursos