Fernando Lauria, CEO da Pricefy
4 boas dicas para bombar as vendas no Natal

4 boas dicas para bombar as vendas no Natal



Ainda sem a grande pompa de anos atrás, quando lojas e shoppings investiam pesado em suas decorações, já é possível sentir e ver as cores do Natal no varejo brasileiro. E quando a principal data de vendas dos varejistas chega, a expectativa é sempre grande. Um estudo da Confederação Nacional do Comércio (CNC), as vendas no período natalino deste ano devem ter um aumento de cerca de 5%, o que representa o maior salto desde 2013, quando a alta foi de 4,9%. 

Outro bom índice de otimismo vem da pesquisa “Expectativas da Temporada de Compras 2023”, realizada pela Meta em parceria com a Offerwise, que revela que 89% dos brasileiros planejavam fazer compras no intervalo entre a Black Friday e o Natal. Mas com milhares de lojas, aumenta a concorrência e isso exige uma preparação adequada do varejista.

Um aspecto que deve ser visto como prioridade é a comunicação, que pode fazer a diferença na competitividade de um estabelecimento. Seja qual for o segmento do varejo, são muitas opções e diferentes ofertas atrativas a disposição do consumidor. Antes de conquistar a escolha desses clientes, é preciso chamar a atenção deles para a sua loja.

Mas como fazer isso? Em primeiro lugar, fazer um bom planejamento e garantir que todas as ações tenham um foco: chamar a atenção do cliente. Portanto, antes de comunicar as ofertas, a loja deve trabalhar para viabilizar promoções que sejam vantajosas para o consumidor. Também é fundamental garantir que sejam oferecidos descontos reais sobre os produtos. Praticar ofertas sem impacto real no valor da mercadoria é fatal para a imagem de qualquer negócio.

Veja algumas dicas para preparar a comunicação da sua loja:

 

1 - Faça um processo de cartazeamento estratégico

Quando se trata da divulgação das ofertas e campanhas como o Natal, as lojas físicas dependem muito do processo de cartazeamento. Esses materiais são necessários para chamar a atenção do cliente, além de informá-los ao longo da experiência de compra. Existem alguns itens que não devem ser ignorados na gestão de cartazeamento de uma loja, como o posicionamento dos cartazes, informações corretas e identidade visual.

Além disso, os cartazes precisam ser criados e trocados em um espaço curto de tempo. Os valores e condições das ofertas podem ser alterados, o que exige uma operação dinâmica da loja. Softwares e sistemas de cartazeamento ajudam os estabelecimentos a garantirem um processo automatizado, prático e eficiente!

 

2 - Preços atualizados e sincronizados nas gôndolas e checkouts 

O preço dos produtos é sempre um item de destaque na experiência de compra do cliente. E quando falamos em Natal, eles estão ainda mais em evidência. Afinal, tudo gira em torno dos descontos atrativos.

Uma divergência na precificação dos produtos pode causar uma péssima impressão no consumidor. Ele pode achar que está sendo enganado ou simplesmente observa uma má organização da loja. Tudo isso prejudica a experiência e a imagem do estabelecimento. 

Garanta uma atualização precisa dos preços, que devem estar sempre sincronizados entre as gôndolas e o checkout. Erros nesse processo podem impedir o aumento das vendas no Natal.  

 

3 - Trabalhe toda a comunicação visual da loja

Falar em destacar ofertas com cartazes e outros materiais não quer dizer que você precise exagerar. Até porque lojas com visual poluído têm mais chances de afastar o cliente do que o atrair e convencê-lo a comprar naquele estabelecimento. 

A comunicação visual da loja precisa ser trabalhada em conjunto. Aspectos como a identidade visual contribuem para promover padrões e uma linearidade aos olhos do consumidor. Essa organização certamente tornará a experiência de compra mais agradável e sem ruídos.  

 

4 - Invista na comunicação digital em sua loja

Embora a comunicação nas lojas físicas tenha sido o foco das dicas, também é importante ampliar os horizontes para o Natal no varejo. Ou seja, as lojas também precisam investir em comunicação digital para ampliar o alcance. 

As redes sociais, por exemplo, podem ser utilizadas em conjunto com as estratégias definidas para o ponto de venda físico. Campanhas bem trabalhadas nesses canais ajudam a chamar o cliente para consumir e alavancar o movimento nas lojas. 

Você pode utilizar as redes da loja para divulgar as promoções, assim como dar dicas e gerar conteúdo útil para o cliente. Além de aumentar as vendas, essas técnicas contribuem para melhorar o relacionamento com o consumidor e a percepção dos clientes sobre a marca. 

Com essas dicas, sua loja aumenta as chances de garantir bons resultados neste Natal. Está esperando o que? Comunicação já e boas vendas!!!

 

Por Fernando Lauria, é o CEO da Pricefy by Selbetti

 

_______________________________________________________

SOBRE A PRICEFY (www.pricefy.com.br)

A Pricefy by Selbetti nasceu no ano de 2017 com o propósito de transformar a experiência na loja. Utiliza tecnologia de ponta para fazer da comunicação na loja uma experiência transformadora para colaborador e shopper.

A empresa possui a única solução do país no gerenciamento da comunicação omni-mídia para o varejo físico proporcionando inteligência, agilidade, eficiência operacional, redução dos custos e aumento das margens para o varejista.

Atua em diversos segmentos como supermercados, home center, farmácia, eletromóveis e atacarejo, totalizando mais de 125 clientes, 5,6 mil lojas físicas e 83 mil usuários. Orgulha-se em atender e ser reconhecida pelos maiores varejistas do Brasil como Grupo Pão de Açúcar, Carrefour, VIA, Grupo Mateus, Cybelar, Obramax, Leroy Merlin, Raia Drogasil, e Profarma.

Hoje faz parte do Grupo Selbetti, a maior integradora em outsourcing em TI do país, que conta com soluções ponta-a-ponta, e tem o propósito de integrar tecnologia para resolver diversos desafios organizacionais, estando entre as empresas que mais crescem no país.

Publicidade



O que achou desta notícia?


Cursos Básicos para Concursos