SENAI proporcionou formação de qualidade para minha carreira

SENAI proporcionou formação de qualidade para minha carreira", afirma oradora da Escola de Eletricistas 2023

Além da jovem, outros 49 alunos concluem a qualificação profissional no SENAI Santana. 


Para a Ana Paula Soares o dia 1º de novembro ficará marcado em sua vida pessoal e profissional. A, agora eletricista, da primeira turma do ciclo 2023 da Escola de Eletricistas teve a honra de ser oradora durante o evento de certificação do curso realizado em parceria com o Grupo Equatorial no Amapá. 

“Desistir nunca foi uma opção e aqui os instrutores mostraram que é possível ter um futuro profissional brilhante e graças a formação de qualidade que o SENAI dá para os estudantes é possível ter uma carreira”, completou a Ana.  

Edvan Rodrigues se diz grato em concluir o curso. “Esta formação em eletricista vai mudar a minha vida, pois vou conseguir dar um futuro melhor à minha família, em especial aos meus filhos. Foi uma caminhada árdua, mas valeu a pena e hoje recebo o meu certificado”, pontuou.  

O gerente de Educação e Tecnologia do SENAI, Pedro Fauro, lembrou que uma nova carreira fará grande diferença na vida de todos os concluintes.  

“Vocês começam uma etapa nova em suas vidas em busca do sucesso no mercado de trabalho e o SENAI trabalha diariamente para formar profissionais competentes e com qualidade para a indústria. Essa parceria não se trata apenas de um processo de qualificação, mas também, de valorização”, declarou o gestor em seu discurso de abertura do evento.  

Christian Monte, da área de Eficiência Energética do Grupo Equatorial Energia no Amapá, destaca que a iniciativa mostra o comprometimento da empresa com o estado. “Além da distribuição de energia, estamos engajados no desenvolvimento do estado, com a criação de emprego e renda e ainda mais, levando conhecimento para estas pessoas. Eu nasci aqui em Santana e é gratificante ver todos vocês se formando”, disse.     

 

A Escola de Eletricistas 

A qualificação possui carga horária de 40 horas semanais, totalizando 480 horas de aulas profissionalizantes e 112 horas de aulas comportamentais. A duração do curso é de três meses e meio. Durante esse período é ofertada uma ajuda de custo mensal para auxiliar o aluno na conclusão da formação. 

Além das matérias específicas, os estudantes desenvolvem habilidades cognitivas, como raciocínio lógico, comunicação, relacionamento interpessoal e estruturação do Projeto de Vida, ampliando a empregabilidade dos participantes. Esse ano, a Escola de Eletricistas conta também, com aulas práticas que serão realizadas em Centros de Treinamento (CT’S), que possuem redes elétricas didáticas construídas para o curso. 

Publicidade

Veja fotos






O que achou desta notícia?


Cursos Básicos para Concursos