Da esquerda para a direita, delegado da PF Renato Muniz do Rosário, procurador-chefe da PR/AP, João Pedro Becker Santos, superintendente da PF/AP, Vitor Moraes Soares, e delegado da PF João Paulo Bastos. (Foto: Ludimila Miranda | Ascom MPF)
Procurador-chefe do MPF se reúne com novo superintendente da Polícia Federal no Amapá

Procurador-chefe do MPF se reúne com novo superintendente da Polícia Federal no Amapá

Autoridades destacaram a produtividade do trabalho coordenado e a promoção de medidas para aprimorar investigações, em visita institucional


Nesta quinta-feira (8), o procurador-chefe da Procuradoria da República no Amapá (PR/AP), João Pedro Becker Santos, esteve na sede da Superintendência Regional da Polícia Federal, em Macapá, para reunião com o novo superintendente do órgão no estado, Vitor Moraes Soares. O delegado assumiu o cargo na última quarta-feira (7). No encontro, as autoridades trataram de investigações, do cumprimento de medidas judiciais em operações e de estratégias que vão permitir mais eficiência no trabalho conjunto. Além do superintendente, participaram da reunião o delegado regional executivo, João Paulo Bastos, o chefe do setor de inteligência da PF, Renato Muniz do Rosário e Dalton Marinho Vieira Junior, chefe da Delegacia Regional de Polícia Judiciária.

O superintendente relatou sua experiência em outros estados e explicou como pretende conduzir o seu trabalho à frente da instituição no Amapá. Considera de extrema relevância a aproximação entre MPF e PF, que é uma marca dos órgãos no estado. João Pedro Becker Santos, na chefia da unidade administrativa do MPF no Amapá desde dezembro, destacou a produtividade do trabalho voltado a investigações estratégicas e alinhadas entre as instituições. A discussão sobre o alinhamento dos procedimentos no âmbito dos órgãos tem como propósito conferir mais celeridade e efetividade às atuações. Para atingir o objetivo, ambos se dispuseram a colaborar mutuamente para atuar em prol da sociedade.

Na oportunidade, os delegados João Paulo Bastos, Renato Muniz do Rosário e Dalton Marinho Vieira Junior apresentaram as atribuições de seus cargos, pontuaram benefícios da relação entre os órgãos no Amapá e sugeriram medidas para aprimorar a atuação interinstitucional. As autoridades ressaltaram, ainda, a efetividade de investigações conjuntas, especialmente em matérias ambientais, eleitorais e criminais. Em breve, o superintendente, antigos e novos delegados e os procuradores da República lotados na PR/AP vão se reunir para planejar novas metodologias de trabalho no estado.

 

MPF/AP

Publicidade



O que achou desta notícia?


Cursos Básicos para Concursos